Cientistas ingleses confirmam a tese de que extraterrestres viajam milhares de anos-luz de distância para desenhar em plantações de milho

0
17639
Padrão geométrico na plantação inglesa.

Ademar Gerard, editor da revista Ufolatria e cofundador da Sociedade da Terra Plana, publicou um estudo em um famoso periódico chamado Blogspot, onde prova que extraterrestres viajaram milhares de anos-luz de distância apenas para zoar plantações de milho e trigo.

Os misteriosos desenhos começaram a aparecer na Inglaterra – especificamente, entre o final dos anos 80 e início dos anos 90 -, mas os pesquisadores pensavam que eram apenas esculturas geométricas feitas pela mente humana, porque que a maioria dos desenhos, senão todos, eram de conhecidos padrões matemáticos e de objetos falocêntricos.

Arte de origem extraterrestre.

A prova mais convincente, que foi apresentada no 24º Congresso de Ufolatria Avançada e no 42º Fórum Intergalático de Contatados, é de um objeto com propriedade química desconhecida na Terra e possui um formato muito peculiar. Veja a imagem:

A prova da presença extraterrestre no planeta Terra.

Ao ser questionado pelos nossos repórteres sobre a confiabilidade da metodologia empregada, Ademar nos assegura que “a metodologia garante que o corpo atinja o plano astral (foto abaixo), o que faz com que o corpo consiga viajar milhares de anos-luz para outros planetas em poucos segundos, e, assim, interagir com seres extradimensionais”.

Foto da metodologia empregada na pesquisa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here